O ensino superior público em debate

Share

No dia 02 de novembro de 2015, realizou-se na Casa Central, a primeira sessão do Seminário Permanente “Uma visão internacional do ensino superior estatal”, uma iniciativa do Reitor Ennio Vivaldi e co-organizada pela Vice-reitoria de Extensão e Comunicações, Direção das Relações Internacionais da Universidade do Chile e o Consórcio de Universidades Estatais do Chile (Cuech). Essa primeira sessão contou com a presença do, então Reitor da Universidade Nacional Autônoma do México, Professor José Narro, que mencionou a relevância das universidades estatais nas sociedades latino-americanas.  Posteriormente, foi a vez de William Hammonds, especialista em políticas públicas da Universities UK; Brian Pusser, acadêmico do Curry School of Education da Universidade de Virginia; Martin Carnoy, doutor em Economia da Universidade de Chicago, e Henry Brady, decano da Goldman School of Public Policy da Universidade de Califórnia em Berkeley.

Através destas sessões, a Universidade do Chile, em parceria com o Cuech, conseguiu atingir o objetivo que foi proposto no início deste projeto: convocar um grupo de reitores e especialistas estrangeiros com a finalidade de conhecer e debater sobre os processos de transformação dos mais relevantes sistemas estatais de ensino superior do mundo, e com eles, estudar o futuro do ensino superior do Chile, no contexto atual, com o intuito de gerar debates e pautas com relação às experiências comparadas de redes de ação inter-universitárias.

Esta iniciativa busca, acima de tudo, contribuir para as transformações e reestruturações dos sistemas estatais de ensino superior num contexto globalizado, criando e fortalecendo redes universitárias colaborativas para compartilhar estas experiências, outros desafios e projeções que o ensino superior no mundo enfrenta e, em particular, na América Latina.

Esses foram os temas abordados pelo professor da Universidade de Virginia, Brian Pusser, que, em sua apresentação, explicou as transformações globais no ensino superior e como as universidades públicas podem trabalhar neste contexto. No Dossiê a seguir, da “Palavra Pública, está transcrita a apresentação, onde explica como a privatização da educação universitária tem sido uma característica central das políticas neoliberais aplicadas em grande parte do mundo.

A seguir, estão relatados os comentários referentes à apresentação de Pusser realizados pelo professor da Universidade do Chile, Daniel Hojman, e pelo diretor do CEP, Harald Beyer. Hojman, Doutor em Economia da Universidade de Harvard, sintetizando as ideias centrais da discussão apresentada por Pusser em torno dos três eixos temáticos: a conceituação política do ensino superior, a função pública das universidades e, por último, sua contribuição ao desenvolvimento do país. Entretanto, o ex-ministro da Educação do governo de Sebastián Piñera ilustra a evolução do sistema de ensino superior chileno, destacando seu caráter misto e a necessidade de evitar a polarização pública-privada.

 

Related Posts